Portal da Cidade Atibaia

Atibaia

Despachante de Atibaia e mais 3 comparsas são presos por fraude em CNH

Eles vão responder por falsidade ideológica e formação de quadrilha. Os acusados usavam digitais de silicone para enganar o sistema.

Postado em 04/10/2019 às 11:06 |

(Foto: Lucas Rangel/ TV Vanguarda)

Nesta última quinta-feira (3), uma quadrilha foi presa pela Polícia Civil, acusados de fraudar o sistema de obtenção de Carteira Nacional de Habilitação (CNH) em Bragança Paulista e Atibaia.

Há cerca de 20 dias a Polícia Civil de Bragança deu início as investigações. Os acusados usavam digitais de silicone para enganar o sistema, ausentando os alunos das aulas.

Três prisões ocorreram em São Paulo, mas o despachante Carlos Roberto do Escritório Silva Forte, foi preso em Atibaia. Uma autoescola de São paulo e escritórios de despachantes da região estariam envolvidos no esquema, segundo a investigação.

De acordo com a polícia, os alunos pagavam para tirar a carteira de habilitação sem precisar fazer as aulas, tanto no centro de formação de condutores, quanto na autoescola acusada.

Para isso,  o escritório do suspeito elaborava falsos comprovantes de residência, que facilitavam e habilitavam para acesso ao sistema de CNH em São Paulo. Todos os dados eram enviados para uma autoescola da capital, onde os suspeitos davam continuidade no processo.

Segundo a polícia, os clientes pagavam cerca de R$ 5 mil para conseguir de forma ilegal a CNH.

O acusado assumiu integralmente a responsabilidade pelos atos do escritório, inclusive os fraudulentos. Confessou ainda que o esquema incluía moldes de silicone com impressões digitais para simular o sistema online.

A partir de então, as aulas e exames ficariam tudo a cargo da Auto Escola Paulista, com sede em SP. Os policiais também se dirigiram para o local.

O dono e dois instrutores da autoescola acusada foram presos, além do responsável pelos escritórios de despachante. Todos vão responder por falsidade ideológica e formação de quadrilha.

Fonte:

Deixe seu comentário