Olá Visitante! Cadastre-se ou faça seu Login
Login com Facebook
ou
Você está em Atibaia / SP

Você está aqui: Home / Colunistas / Empreender / Meia Tonelada e uma Lição
Atualizado


Meia Tonelada e uma Lição

Recentemente fui conhecer o Centro de Treinamento Equestre Extrema, um local que oferece vários tipos de serviços relacionados a cavalos. Meu papel, naquele dia, era fazer uma consultoria estratégica para eles, mas tudo se inverteu e saí de lá com um grande aprendizado.


Ao chegar no local, o Sr. Walter Filho, CEO do CTEE, estava à minha espera, assim que desci do carro começamos uma agradável conversa. Walter me mostrou todas instalações e comentou sobre um de seus assistentes, Júlio.


Mais ou menos 30 minutos se passaram e vejo no horizonte, um rapaz trazendo um cavalo marrom escuro, da cor de ébano, um lindo exemplar. Aquele rapaz era o Júlio, e estava trazendo uma égua de 2 anos e meio e que acabara de ser entregue pelo seu dono aos cuidados do CTEE para ser domada e treinada.


Walter não pensou duas vezes e já me convidou para assistir ao famoso processo de DOMA RACIONAL ou DOMA INTELIGENTE, que se baseia nos princípios e conhecimentos de Monty Roberts, um famoso americano conhecido como encantador de cavalos. Walter foi seu aluno na escola Flag is Up Farms na Califórnia.


Apenas quinze minutos foram necessários para Walter conseguir transformar uma égua “chucra” em um animal obediente aos seus comandos. Com simples exercícios, porém de extremo conhecimento sobre o animal e de maneira silenciosa a égua passou a segui-lo e enxerga-lo como o líder de sua tropa.


Concluída a sessão, começamos a conversar e Walter relacionou seu trabalho como a de um líder empresarial. Muitos “chefes” agem de maneira inapropriada, ao usar do poder, para fazer seus funcionários trabalharem. Muitas vezes o líder não sabe dizer aos funcionários o que espera deles, não comunica de forma eficaz o devido fazer e nem o porquê dele. Não basta impor sua vontade perante aos trabalhadores, e sim incentivá-los, mostrar que você está ali para prover direções ao seu subordinado e cabe a ele escolher por conta própria o que fazer.


Explicou que o cavalo tem que tomar decisões de maneira muito mais rápida que o ser humano, já que é uma presa e pode ser atacada por predadores em seu meio natural. “O cavalo tem que decidir rapidamente se aquilo a frente é uma ameaça ou não” diz Walter.


 


Se você é gestor, empreendedor, supervisor ou exerce qualquer cargo de liderança, você deveria repensar seus conceitos e entender o método de liderança racional. Se você usa do seu poder conferido pelo seu cargo para coagir pessoas a fazerem o que você deseja, você não é um bom líder. Talvez você veja resultados ao verem seus subordinados trabalhando para você e obtendo os resultados que você quer, mas entenda que provavelmente eles não estão fazendo nada a mais do que lhes foi ordenado. Quando um chefe deixa de ser chefe e se torna um líder, as pessoas param de simplesmente fazer o que foi ordenado e passam a trabalhar e obter seus resultados por vontade própria e não por uma “chibata em seu lombo”. 



Fonte: Douglas Carvalho

Deixe seu comentário

Você está em Atibaia / SP
Portal Atibaia
Unidade Atibaia, SP


Portal da Cidade Atibaia LTDA - 24.455.443/0001-35
© 2008-2017 Copyright Franquia Portal da Cidade ®